Olá! Seja bem vindo!!!
Este espaço foi criado com muito carinho para que você conheça o trabalho das minhas mãos.
Obrigada pelo sua visita! Volte sempre!!!

Cia das Patas

  Fui membro da  Ong Cia das Patas por alguns anos.
Cuidava de animais abandonados.
Mas as necessidades diárias da vida me afastarm desse trabalho, porém
não me impediram de continuar amando essas criaturas tão
maravilhosas que tem tanto à nos ensinar sobre o
AMOR INCONDICIONAL!


Todos esses cães tiveram uma história triste, de abandono e maus tratos, mas hoje são felizes, graças ao trabalho das nossas mãos

 

Fred . . . abandonado por seu dono amarrado a um poste e em seguida resgatado por um morador de favela. Depois de 5 meses de sofrimento e nesse estado lamentável conseguimos convencer a pessoa de que ele precisava de ajuda . . . trouxe Fred para minha casa junto com Peruquinha . . .

Algumas semanas depois depois, ele voltou a ser um lindo cão!

. . . essa filhota de 3 meses, muito esperta e meiga. Ela estava junto com Fred na favela, e eu não aguentei. Se não tivesse pego ela com certeza não iria dormir sossegada lembrando dessa carinha que também queria se salvar daquele lugar tenebroso...Então vieram os dois pra minha casa e começamos um tratamento com ração de boa qualidade, vitaminas e muito muito muito carinho . . .


... e viviam assim . .  .coladinhos um no outro. Fred foi adotado e no dia seguinte ficou doente e Peruquinha também, levamos ao veterinário e estavam com cinomose. Peruquinha ficou internada 35 dias mas não resistiu. Fred continua em tratamento e nós estamos na torcida para que ele se salve . . .



Tróia, uma bela cachorra da raça Pastor Alemão. Vivia acorrentada, sem poder brincar, tomar sol e interagir com os membros da família. Com 10 meses, foi rejeitada por sua dona. Mas sua sorte mudou . . . encontramos um lar pra ela onde é muito querida. Eles a receberam cheios de amor e estão muito felizes com a oportunidade de terem sido os escolhidos para adotá-la. Boa Sorte Família!


Shiva é um Afghan Hound de 1 ano, com pedigree, lindo e meigo...sua dona precisou se mudar e ele não coube na mala. Foi deixado pra trás sem pensar na dor que ele sentiria. Sofreu muito de saudade, mas foi muito bem encaminhado.


Dunguita ou carinhosamente Guigui, foi abandonada com apenas 30 dias numa rua sem movimento. Ela sofreu muito com a falta da sua mãe, não sabia comer, pois mal tinha seus dentinhos nascidos. Mas ela foi cuidado com muito carinho, ficou bem fortinha e depois de 5 meses foi adotada. Ela era minha companheira de soneca, por isso acostumou ser dorminhoca. Foi muito bom cuidar dela, nunca me deu trabalho e é uma cachorra muito boazinha e comportada. Agora Guigui tem uma novo dono que cuida dela com muito carinho e ela não se lembra mais de que um dia foi rejeitada por que hoje é muito amada! Obrigada João!


Vilma, uma Beagle de mais ou menos 6 anos, a carrocinha apreendeu e nós fomos ao ccz resgatá-la, estava prenha. É uma cachorra adorável, além de linda, obediente a carinhosa!!! Foi uma delícia cuidar dela, não dava um pingo de trabalho, e o Dunga a seguia com os olhos o dia todo. Acho que ele se apaixonou pela beleza dela apesar de ser gordinha...

Scott, um Weimaraner de 10 anos, além de velho, cego e banguelo estava com sarna, muitas pulgas e desnutrido. Perdí o sono quando o ví vagando pelo meu bairro, fizemos o resgate e pensei que ele seria meu até aque chegasse seu dia, mas ninguém sabia que sua sorte mudaria tão rápido... Foi adotado nessas condições mesmo, o anjo que se sensibilizou com a situação dele, o trata hoje como Lord Scott, é um cão muito amado, e sabe agradecer oque seu novo dono fez por ele...


Grandão, um São Bernardo de 4 anos, vivia acorrentado dia e noite no sol e na chuva, e comia resto de comida quando sobrava,
quando resgatamos estava 20 kilos abaixo do seu peso, mal se equilibrava sobre as próprias patas de tão fraco, além de uma quantidade assustadora de carrapatos, e por conta disso estava com erlichiose...ficou um bom tempo em tratamento e quando chegou o dia da adoção, pra mim foi horrível apesar de ter sido muito bem encaminhado...o quintal perdeu a graça...hoje ele mora num sitío em Marília e é o xodó da casa...também com tanta beleza e docilidade...MERECE!!!!


Sukita e Huguinho, 2 bassets super fofos. Estavam perdidos numa rodovia de muito movimento, fomos devolver para seus donos e descobrimos que eles foram postos pra fora de propósito porque a pessoa decidiu que não os queria mais...


Betina, Basset Hound vagava pela Tamoios...tinha muitos bernes e estava abaixo do peso. Certamente também foi abandonada.


Belinha e Spot, 2 Poodles jovens foram pra rua porque seus donos também foram despejados de onde moravam...


Rugão é um Sharpei velho, cego e com problema de pele crônico, Também foi encontrado vagando na Tamoios...



Rambo um Pit Bull de 2 anos, seus donos eram muito pobres, imaginem como ele estava... além disso o mantinham numa corrente o dia todo, debaixo do sol ou da chuva...


Yuli tinha dono mas vivia na rua e apanhava de vassoura do vizinho...


Pit Bull...foi amarrada no portão de uma clínica veterinária talvez porque estava com sarna...


Florzinha foi abandonada com 40 dias juntos com mais 6 irmãos, todos morreram de hepatite e ela demorou 7 meses para ficar boa e ser adotada...quase que não foi embora!


Cristal...sua dona se mudou de cidade mas ela foi deixada pra trás... e na rua.

Pinscher Cacau...abandonada num aterro. Super carinhosa, não demorou nada para ser adotada. Está muito feliz, vive em cima do sofá e dorme na cama...que maravilha, era tudo o que ela queria!


Pingo... um Poodle super mau tratado em todos os sentidos. Passou muita fome e era enxotado por seus donos, por isso se tornou um cachorro agressivo. Mas foi recuperado e hoje vive bem.


Scooby...


Tobias...


Bolinha...


Boxer ainda filhote abandonado no meu portão...

Pitchuco


Tummy, foi abandonada na praia por um carroceiro, estava muito machucada, fraquinha e com barriga d'água...não conseguimos salvá-la...mas tentamos!


Pirata



Tião

Fofinha



Olívia

Leopoldo (Léo)  um Pastor Alemão de 5 anos com problema de coluna. Estava desnutrido e muito judiado. É um cão muito alerta que teve a sorte de encontrar um ótimo lar onde é muito querido e pra compensar ele faz o seu papel de cão de guarda direitinho oque agrada ainda mais seus novos donos.


Tukinha tem 2 anos, foi tirada de maus tratos e depois de 8 meses em recuperação foi adotada...ótima companheira e super carinhosa!


Este é o Juca, um Basset adorável e muito inteligente. Ele foi atropelado e por falta de socorro ficou com uma das patas traseiras sem movimento, mas isso não o impedia de ser feliz...ele é super brincalhão, e adora se mostrar com um brinquedinho na boca e nunca me deu um pingo de trabalho. Foi adotado por um casal muito legal que não se importou com isso, pelo contrário, Mônica o escolheu achando que ninguém ia querer adotá-lo (ela não sabia que eu estava na fila). Agora meu querido Juca tem uma nova família que o quer muito bem. Obrigado Mônica e Renato!


Depois de viver anos num lugar muito pequeno,
com escassez de comida, encontramos um
lar muito feliz para Graco!



*Respeitar os animais é dever de todos, amá-los é privilégio de poucos!!!*









.

.
Me chame de Artesã, Arteira, Artista ou Menina Mulher . . . A maior Arte que faço é a Arte de Viver ! Faço Arte o tempo todo, esse é meu ofício . . . Todo artesão é romântico, sonhador . . . tem espírito jovem e alma de criança . Transforma sonho em realidade, e realidade em sonho através das mãos, criando, modelando, desenhando, pintando . . . Brinca de artista, e é artista que brinca . Trabalha sério mas vive a vida brincando . . . E assim Feliz da Vida , me dedico à Arte de Ser Feliz !

.

.